Afinal, o que é diversidade de gênero?


Diversidade de gênero nada mais é do que as inúmeras formas de viver e expressar a sexualidade e a identidade de gênero.


Fatores biológico, sociais e psicológicos formam a sexualidade humana.


O fator biológico é o sexo biológico, ou seja, o conjunto de informações cromossômicas, os órgãos genitais e as capacidades reprodutivas.


Os fatores sociais dizem respeito a identidade de gênero que é a percepção íntima que uma pessoa tem de si como sendo do gênero masculino, feminino ou de alguma combinação dos dois, independente do sexo biológico. O papel do gênero na sociedade refere-se ao comportamento esperado para homens e mulheres. Por exemplo, a sociedade espera que mulheres sejam sensíveis gostem de rosa, brinquem de bonecas e usem cabelos longos e que homens sejam fortes, não chorem, brinquem de carrinho e usem azul.


Assim, sexo é biológico, gênero é construção social!

Já o fator psicológico refere-se a orientação sexual. Trata-se da atração afetiva e/ou sexual que uma pessoa manifesta em relação à outra, para quem direciona o seu desejo de forma involuntária.


Três orientações sexuais se destacam. São elas:

A heterossexual engloba as pessoas que se sentem atraídas afetiva e/ou sexualmente por pessoas do sexo/gênero oposto.

A orientação homossexual (gays e lésbicas) se refere as pessoas que se sentem atraídas afetiva e/ou sexualmente por pessoas do mesmo sexo/gênero e

As pessoas bissexuais que são aquelas que se sentem atraídas afetiva e/ou sexualmente por dois ou mais gêneros.


A diversidade de gênero se traduz no direito à diferença individual e deve sempre ser respeitada e buscada!

Recentes

Arquivo

Siga no Facebook

  • Grey Facebook Icon